Julia e Guilherme, Guaçuí – ES

Postado em 10 dez, 2015 - Blog, Casamento de noite

Eu te amo porque te amo,
Não precisas ser amante,
e nem sempre sabes sê-lo.
Eu te amo porque te amo.
Amor é estado de graça
e com amor não se paga.

Amor é dado de graça,
é semeado no vento,
na cachoeira, no eclipse.
Amor foge a dicionários
e a regulamentos vários.

Eu te amo porque não amo
bastante ou demais a mim.
Porque amor não se troca,
não se conjuga nem se ama.
Porque amor é amor a nada,
feliz e forte em si mesmo.

Amor é primo da morte,
e da morte vencedor,
por mais que o matem (e matam)
a cada instante de amor.
- Carlos Drummond de Andrade -


































































































Juliane e Miguel | Muriaé, MG

Postado em 22 jun, 2015 - Blog, Casamento de noite

Não se preocupem se seus olhos não estão tão habituados a enxergar preto e branco, não se preocupe se o amor pra você deve ser colorido, cheio de cores vivas, cheio de comoção. Mas se preocupe em enxergar a emoção verdadeira, o amor puro, a vida, mesmo em branco e preto, mesmo que com resquícios de cor. Se preocupe em abraçar pessoas e histórias genuínas; que a falta de cor não represente a falta de luz e que essa mesma luz inunde seus corações eternamente…













































































Flávia e Marco, o Casamento | Belo Horizonte – MG

Postado em 20 abr, 2015 - Blog, Casamento de noite

Na semana passada, entre um “quero falar de amor” e outro, eu publiquei um ensaio pré casamento lindíssimo deste casal! Como havia dito, a Flávia e o Marco são queridos amigos nossos lá de BH! Hoje, tenho a grande alegria de mostrar pra vocês um pouquinho de como foi o grande dia deles! Foi uma cerimônia linda, cheia de alegria e corações cheios de amor e ternura! Espero que o dia deles inspirem todos vocês a viverem um grande amor!
























































Camila e Jeymes – São Paulo, SP

Postado em 27 fev, 2015 - Blog, Casamento de noite

Um dia desses aí nós viajamos para São Paulo afim de fotografar mais um casamento. Foi tão empolgante do começo ao fim! Nós realmente estávamos mais uma vez com os nossos corações nas nossas lentes e ávidos por cada cena que se desenvolvia diante de nós! A Camila e o Jeymes são pessoas amigas e tão especiais que é impossível não transparecer isso nas imagens do dia do casamento deles! Nós costumamos nos divertir muito nos casamentos que fotografamos, pois quase sempre, temos alguns amigos presentes e temos muita liberdade de clicar! Dessa vez não foi nem um pouco diferente! Do começo ao fim, nos alegramos e vivemos juntos (o tempo todo) com os noivos no grande dia deles!














































































FICHA TÉCNICA:
Local, decoração e buffet: Tantra | Hotel Making of: George V Residence – Alto de Pinheiros | DJ: Dílson Rudeboy | Vestido: A Modista | Acessórios: Zara | Sapato: Ana Capri | Terno: Aramis | Bouquet: Bia Sandoval | Mesa de doces: Tammy Montagna | Entretenimento crianças: Fadas Madrinhas

Danielle e Samuel – Juiz de Fora, MG

Postado em 6 fev, 2015 - Blog, Casamento de noite

Confiar é ter paz, apesar das estações.
Confiar é não lançar ao mar seus princípios, ainda que a tempestade esteja a naufragá-lo.
Confiar é perceber a supremacia do amor, no alarde de todos os fracassos.
Confiar é ter liberdade para confessar-se desconfiado de um Pai que acolhe como se nada soubesse.
Confiar é perceber que as setas da verdade vem para dentro daquele que a busca, não serve como arma contra os outros, muito menos como bordão para os militantes da boa moral.
Confiar é maior. Confiar é um campo. Um alargamento. Um lugar para estar, é ar, grandeza, liberdade. Confiar é consciência. Confiar é temer, chorar, perder, deixar de ser.
Confiar é permanecer nas tentativas de apreender o que é invisível aos olhos abertos, mas tão real para quem enxerga claro com os olhos fechados.»

-Francieli Battiston-


















































































FICHA TÉCNICA:
Vestido: Olivia Aragão | Orquestra e Banda: Nova História Clarinadas | Decoração: Toninho Aleixo | Bem Casado: Rosaria | Buffet: Fatima Buffet | Filmagem: Filmar | Terno: Duomo | Iluminação: Spot | Maquiagem/Dia de Noiva: Rhema Rhema| Calígrafa: Carla Caigrafia | Igreja: Metodista

Jéssica e Deiwid – Divino, MG

Postado em 10 dez, 2014 - Blog, Casamento de noite

Já diziam que quem brinca com fogo pode se queimar, e eu acho que pode-se dizer o mesmo sobre o amor, não que amor seja jogo, também não que se precise de sorte, na verdade, só basta corações dispostos, sorriso no rosto, e com um pouco de galanteio aqui, cortejo dalí, sinceridade nos olhos, o que era brincadeira se transforma em amor verdadeiro, genuíno e simples, mas pra vida toda!







































Júnea e Lydston – Belo Horizonte, MG

Postado em 30 out, 2014 - Blog, Casamento de noite

“Amar significa abrir-se, romper o círculo do isolamento, habitar esse milagre que é conseguirmos estar plenamente connosco e com o outro. O amor é o degelo.
Constrói-se como forma de hospitalidade (o poeta brasileiro Mário Quintana escreve que o amor é quando a gente mora um no outro), mas pede dos que o seguem uma desarmada exposição.
Os que amam são, de certa maneira, mais vulneráveis. Não podem fazer de conta. Se apetece cantar na rua, cantam. Se lhes der para correr e rir debaixo de uma chuvada, fazem-no. Se tiverem subitamente de dançar em plena rua, iniciam um lento rodopio, sem qualquer embaraço, escutando uma música aos outros inaudível.”
-José Tolentino Mendonça







































































FICHA TÉCNICA: Vestido de noiva: Marília Pitta | Local festa: Espaço Província | Making of: Júlia Astigarraga | Filmagem: Tiago Bedran | Cerimonial: Maktub | Alianças: Júnea Pitta | Celebrante: Eduardo Machado |

Luciana e Arione, Muniz Freire – ES

Postado em 21 ago, 2014 - Blog, Casamento de noite

“Quero apenas cinco coisas..
Primeiro é o amor sem fim
A segunda é ver o outono
A terceira é o grave inverno
Em quarto lugar o verão
A quinta coisa são teus olhos
Não quero dormir sem teus olhos.
Não quero ser… sem que me olhes.
Abro mão da primavera para que continues me olhando.”
-Pablo Neruda




























































FICHA TÉCNICA: Cerimonial: Bernadette Rocha | Buffet: Imperial | Filmagem: Fabio Films | Decoração: Lucia Balarini | Música festa: Charles Vicentin e Raione Botelho | Som, iluminação e DJ: Jonas Filgueiras | Bolo: Leci Rodrigues | Vestido de Noiva: Atelier Terezinha Pedruzzi | Buquê: Lúcia Balarini | Maquiagem: Studio A

Carla e Flávio, Belo Horizonte – MG

Postado em 4 ago, 2014 - Blog, Casamento de noite

O amor é difícil para os indecisos.
É assustador para os medrosos.
Avassalador para os apaixonados!
Mas, os vencedores no amor são os fortes.
Os que sabem o que querem e querem o que têm!
Sonhar um sonho a dois,
e nunca desistir da busca de ser feliz, é para poucos!
-Ercília Ferraz de Arruda Pollice

















































































































FICHA TÉCNICA: Maquiagem: Marcus Martinelli | Músicos da cerimônia: Coral Mater Dei | DJ: Vinícius Amaral | Banda: Classic | Dupla sertaneja: Alex & Tiago | Decoração: Ponte de Pedra | Bouquet: Ponte de Pedra | Traje Noiva: Villais | Traje Noivo: Hugo Boss | Acessórios da Noiva: Márcia Marquez Alianças: Rosália Nazareth | Buffet: Automóvel Clube MG | Doces: Fernanda Bacelar | Bem casados: Lenir Maia Gourmet | Forminhas: Entre Flores | Barman: Drink Art | Filmagem: Bem me quer filmes | Som, estrutura de boate e palco: BH PLAY | Seguranças: Victory Eventos | Espumante: Meninport | Vestido de damas: Laçarotte Damas e Pagens | Cerimonial: Graal Cerimonial e Eventos

Luna e Leandro, Muriaé – MG

Postado em 21 jun, 2014 - Blog, Casamento de noite

“Aquele que vive no amor, mesmo tendo poucas coisas, vive na abundância.

Amado, é livre.
Por isso, não teme.
E, não temendo, não precisa de acumular coisas,
nem de fingir ser o que não é,
nem de recear o amanhã.
Não se incha, querendo ser o que não é.
Não se diminui, deixando de ser o que é.
Esvaziado de «coisas incertas», vive de graça.
Na verdade, vive a graça.”

P. José Frazão Correia, in “Entre-tanto”

LL_net16

LL_net5

LL_net17

LL_net6

LL_net8

LL_net1

LL_net2

LL_net3

LL_net4

LL_net7

LL_net10

LL_net11

LL_net15

LL_net14

LL_net25

LL_net20

LL_net21

LL_net24

LL_net23

LL_net26

LL_net9

LL_net12

LL_net13

LL_net18

LL_net19

LL_net22

LL_net28

LL_net27

LL_net29

LL_net30

LL_net31

LL_net32

LL_net33

LL_net35

LL_net37

LL_net38

LL_net39

LL_net40

LL_net41

LL_net42

LL_net43

LL_net44

LL_net46

LL_net45

LL_net49

LL_net47

LL_net48

LL_net50

LL_net51

LL_net53

LL_net52

LL_net54

LL_net55

LL_net56

LL_net57

LL_net58

LL_net59

LL_net60

LL_net61

LL_net62

LL_net65

LL_net63

LL_net66

LL_net64